Províncias

Sector aborda melhoria da qualidade de ensino

Directores de escolas do município do Cuito, província do Bié, estão, desde quinta-feira, a analisar, na sua I sessão do Conselho de Direcção Alargado, entre outros assuntos, a melhoria da qualidade de ensino no presente ano lectivo.

No encontro, estão a ser abordados temas relacionados com o seminário de capacitação de formadores e professores, reorganização das zonas de Influência Pedagógica, organização das turmas de aceleração escolar e acompanhamento às turmas dos parceiros sociais, entre outros.
O calendário escolar 2017, leitura e esclarecimento do Decreto nº17/10, organização dos processos individuais dos funcionários, distribuição do material escolar, processo de matrículas, organização da base de dados e perspectivas do sector para 2017 fazem parte da agenda de trabalhos.
O director municipal da Educação, Ciência e Tecnologia do Cuito, Ângelo Chissule, disse que o encontro permitirá aos directores das escolas encontrarem soluções plausíveis sobre os diversos problemas que o sector enfrenta.
O administrador municipal do Cuito, Avis Agostinho Vieira, convidado a proceder ao acto de abertura do evento, destacou o empenho do Governo da Província do Bié, na construção de dezenas de escolas para melhorar a qualidade de ensino na circunscrição. Defendeu, no entanto, a necessidade de os directores das escolas implementarem na prática as actividades pedagógicas que se exigem no ensino geral, primarem pela pontualidade, rigor, responsabilidade e, acima de tudo, pela assiduidade nos locais de serviço.
Para o responsável, os directores de escolas devem exigir dos professores conhecimentos relacionados com a “escola nova”, como forma de colocar o aluno no centro do saber ao invés de ser o professor, sobretudo valorizar o potencial do educando.

Administrador municipal


O administrador municipal, Avis Agostinho Vieira, disse ainda que os directores devem ter capacidade de autoavaliar, de transformar os problemas em solução, envolvendo as comunidades, através das comissões de pais e encarregados de educação, pois, referiu que só assim será possível ultrapassar os problemas. Testemunham ainda o encontro, o administrador adjunto do Cuito para o sector Económico e Social, Nelson Calumbo Quintas, os administradores comunais do Cunje, Trumba, Cambândua e Chicala, responsáveis dos centros administrativos e outros convidados.

Tempo

Multimédia