Províncias

Sector da Saúde luta com a falta de especialistas

O centro de saúde da povoação de Catala, comuna do Cunje, província do Bié, necessita de dois médicos nas especialidades de pediatria e obstetrícia.

A informação foi dada à Angop pelo director daquela unidade sanitária, Domingos Adriano, que reconheceu haver dificuldades no funcionamento do centro de saúde da Catala, sobretudo nos casos de obstetrícia e pediatria.
“Estamos a necessitar de um pediatra e de um obstetra, pois o nosso centro é grande e temos registado muitos casos complicados nestas especialidades, mas, por falta de profissionais, somos obrigados a enviar os doentes para outras unidades fora da circunscrição”, lamentou. Com 31 funcionários, entre técnicos médios, básicos, auxiliares administrativos e um médico vietnamita, o centro tem 31 camas.

Tempo

Multimédia