Províncias

Venda de produtos com prazo expirado aumenta no interior

Delfina Victorino | Cuito

A venda de produtos fora de prazo nos mercados paralelos do interior da província do Bié tem aumentado consideravelmente, informou o director do Instituto de Defesa do Consumidor (INADEC), Filipe Baptista Viana.

Durante o primeiro semestre deste ano, foram incinerados produtos diversos em diferentes localidades do interior do Bié, apesar de serem realizadas, quase diariamente, acções de sensibilização e educação sobre a qualidade de produtos e sua conservação junto dos estabelecimentos comerciais.
Foram apresentadas pelos consumidores um total de 11 reclamações, das quais seis já foram resolvidas e mediadas, através dos profissionais do INADEC.
A escassez de manuais de instruções que definem a actividade específica dos núcleos provinciais do INADEC tem dificultado as visitas de inspecção, assim como a elaboração de modelos de informação e outros meios para a actividade comercial segura.
Melhorar a situação do órgão e alterar o quadro do mercado de consumo, em colaboração com diversas entidades que directa ou indirectamente trabalham na defesa do consumidor, constam entre os planos de trabalho.

Tempo

Multimédia