Províncias

Violência doméstica

O Consumo de bebidas alcoólicas, o analfabetismo e a poligamia mal assumida são os principais factores que motivam o aumento da violência nos lares no município de Camacupa, Bié, afirmou ontem a chefe de repartição local da Família e Promoção da Mulher.

Sara Eduardo disse que a esses factores associam-se aspectos que têm a ver com o desconhecimento do Código da Família, insuficiência de diálogo nos lares e má influências nos casais. No total, registaram-se 12 casos de violência doméstica.

Tempo

Multimédia