Províncias

Autoridades combatem caça furtiva

O combate à caça furtiva e exploração ilegal de madeira na floresta do Maiombe destacam-se das prioridades do Ministério do Ambiente para protecção das espécies, anunciou em Cabinda a titular da pasta, Paula Francisco Coelho.

A exploração ilegal de madeira tem os dias contados
Fotografia: Adriano Sapalo| Edições Novembro

A governante, que se en-contra em Cabinda desde o último final de semana, onde se deslocou aos municípios do Buco-Zau e de Belize, explicou existir um processo de enquadramento de ex-militares como fiscais, para maior controlo e preservação da fauna e flora.
Sobre o assunto, o administrador do parque, José Maria Bizi, disse que o local necessita de elevar os seus 15 fiscais para 65 efectivos.

Tempo

Multimédia