Províncias

Governo reabilita centros de saúde

Joaquim Suami | Cabinda

Os centros de saúde 4 de Fevereiro, Chafumo e Chinfuca, no município do Cacongo, em Cabinda, estão a ser reabilitados e ampliados por iniciativa do governo da província.

O centro 4 de Fevereiro passará a atender mulheres grávidas e crianças
Fotografia: Rafael Tati | Cabinda

Os centros de saúde 4 de Fevereiro, Chafumo e Chinfuca, no município do Cacongo, em Cabinda, estão a ser reabilitados e ampliados por iniciativa do governo da província. 
O centro 4 de Fevereiro passará a atender mulheres grávidas e crianças e também vai prestar serviço de medicina geral, enquanto os restantes vão cuidar de outras patologias. O secretário provincial da Saúde, Carlos Zeca, disse que, face ao estado avançado de degradação em que se encontra o hospital municipal de Cacongo, o governo da província está a criar condições para ser reabilitado. 
O sector da Saúde prevê para o próximo ano a construção de uma unidade nova, com mais capacidade de atendimento e internamento.
A província de Cabinda está bem servida em termos de assistência médica e medicamentosa, mas carece de cursos de formação para os gestores hospitalares, disse Carlos Zeca.
 “Pretendemos com os cursos de formação dotar melhor os nossos gestores hospitalares. Muitos não sabem como se faz uma gestão num hospital, posto de saúde, centro médico, até mesmo numa unidade municipal ou provincial”, precisou.  
A governadora de Cabinda em exercício, Aldina da Lomba, assegurou que a reabilitação de centros de saúde alternativos vai ajudar as autoridades locais a cuidarem melhor os doentes do município.
Aldina da Lomba realçou que o governo da província vai também melhorar o centro de saúde da comuna do Dinge com equipamentos, médicos e enfermeiros, para atender o município do Cacongo.
A governadora em exercício visitou as obras de construção da escola primária do município do Cacongo, da Faculdade de Medicina e do hospital infecto-contagioso de Santa Catarina, no município de Cabinda.

Tempo

Multimédia