Províncias

População com facilidade em tratar de documentos

Bernardo Capita | Cabinda

Os Serviços Integrados de Atendimento ao Cidadão (SIAC) de Cabinda passaram a dispor de instalações modernas na localidade de Chibodo.

Membros do Executivo assistiram ao acto
Fotografia: Rafael Tati| Cabinda

Os Serviços Integrados de Atendimento ao Cidadão (SIAC) de Cabinda passaram a dispor de instalações modernas na localidade de Chibodo.
Construídas de raiz sob a responsabilidade do Ministério da Administração Pública, Emprego e Segurança Social, no âmbito do programa nacional de instalação de estruturas similares em todo país, o SIAC Cabinda contempla, entre outros serviços, os de Identificação, Imprensa Nacional, bancos Africano de Investimento (BAI) e SOL, Finanças, Justiça (Conservatória dos Registos Civil e Notarial), ENSA, TAAG e Unidade dos Serviços Empresariais Públicos e Privados.
Uma residência do tipo T3 para o responsável do SIAC Cabinda consta do leque de imóveis agregados ao edifício inaugurado na quinta-feira pelo ministro da Administração Pública, Emprego e Segurança Social.
Depois de ter descerrado a lápide na companhia da governadora Aldina da Lomba, António Pitra Neto percorreu, em visita guiada, as instalações, e manifestou satisfação pela qualidade das mesmas.
À margem da inauguração do SIAC, o ministro procedeu ao lançamento do projecto nacional denominado “Pavilhões Ocupacionais de Prestação de Serviços”. O projecto, cuja primeira pedra foi colocada pela governadora da província no bairro “A vitória é certa”, prevê a construção de pavilhões ocupacionais de prestação de serviços em todo o país, com o objectivo de captar mestres e jovens aprendizes, de forma a praticarem artes e ofícios com procura no mercado.
O director nacional do Emprego e Formação Profissional, Leonel Bernardo, afirmou que o projecto prevê a construção de três tipos de pavilhões, designadamente oficinas auto, marcenaria e artes. Para a sua instalação, deve ser tida em conta a viabilidade económica e comercial das actividades profissionais a desenvolver.

Tempo

Multimédia