Províncias

Recolha de lixo melhora na província de Cabinda

Bernardo Capita | Cabinda

O saneamento básico da cidade de Cabinda e bairros periféricos vai ganhar outro impulso nos próximos dias, com a recuperação de equipamentos avariados de recolha de lixo disse o administrador municipal Francisco Tando. 

O saneamento básico da cidade de Cabinda e bairros periféricos vai ganhar outro impulso nos próximos dias, com a recuperação de equipamentos avariados de recolha de lixo disse o administrador municipal Francisco Tando.  Dos equipamentos recuperados, Francisco Tando destacou os compactadores, que estão a ser utilizados na recolha de lixo concentrado em vários pontos da cidade e bairros periféricos. Francisco Tanto reiterou que “os equipamentos estão a garantir a recolha satisfatória das elevadas quantidades de lixo que se acumularam em algumas zonas da cidade. Se formos circular por todas as vias da cidade e bairros periféricos vão notar que o lixo diminuiu consideravelmente” disse Francisco Tando para quem, mesmo com a recuperação dos equipamentos “o problema de saneamento básico não fica resolvido na sua totalidade”.
Para Francisco Tando, as autoridades do município estão empenhadas em retirar as elevadas quantidades de lixo nas ruas, mas defende a privatização dos serviços de recolha de lixo por ser a via mais adequada para normalizar o saneamento básico.
O director do Gabinete de Estudos Planeamento e Estatística (GEPE) Tomás Mabiala, anunciou que o Governo Provincial importou equipamentos modernos de recolha de resíduos sólidos, meios que são distribuídos às empresas vocacionadas para o ramo de saneamento básico que forem apuradas no concurso público a ser realizado em breve.
Tomás Mabiala referiu que o Governo Provincial apenas vai seleccionar as quatro empresas que revelarem capacidade técnica e apresentarem um orçamento compatível.

Tempo

Multimédia