Províncias

Restringido fornecimento de energia

A Empresa de Distribuição de Energia Eléctrica (ENE) em Cabinda está a restringir nos últimos dias o fornecimento de energia, nos bairros da preferia da cidade, para trabalhos de manutenção dos equipamentos.

Parte da cidade de Cabinda com restrições
Fotografia: Jornal de Angola

O secretário provincial de energia e águas, André Massanga, disse à Angop que a alteração deve-se à montagem de transformadores que visa uma distribuição mais abrangente e segura.
 “Estamos a fornecer energia aos bairros, de forma faseada, para permitir que a população usufrua do produto paulatinamente, até à conclusão dos trabalhos”, garantiu.
Anteriormente, disse, as zonas periféricas eram abastecidas por grupos geradores, que foram ultrapassados com a aquisição de novas turbinas com maior capacidade.
Os bairros visados pela ENE são as de Madombolo, Amílcar Cabral, Gika e Luvassa, na periferia da cidade de Cabinda.
No entanto, disse o responsável, as duas turbinas (gás e diesel), instaladas na planície do Malembo, possuem cada uma capacidade de produção de 35 mWatts, perfazendo 70 mWatts, dos quais 55 estão a ser consumidos.

Tempo

Multimédia