Províncias

Carrossel leva alegria às crianças de todo o país

Domingos dos Santos |

Em Angola existem poucos locais de diversão para crianças, designadamente carrosséis e parques infantis. A empresa angolana Tondinha e Irmãos está a desenvolver o Projecto Carrossel Móvel Infantil de Cabinda ao Cunene, que tem levado alegria e diversão a milhares de crianças em todo o país.

O projecto do carrossel foi estendido a seis províncias o que enche de alegria muitas crianças que têm poucos espaços de diversão e lazer
Fotografia: João Gomes

Em Angola existem poucos locais de diversão para crianças, designadamente carrosséis e parques infantis. A empresa angolana Tondinha e Irmãos está a desenvolver o Projecto Carrossel Móvel Infantil de Cabinda ao Cunene, que tem levado alegria e diversão a milhares de crianças em todo o país. A afluência de crianças ao parque de diversões aumenta a olhos vistos. Há sempre inúmeras crianças durante os dias em que permanece numa localidade.
O projecto, segundo o responsável da empresa, Paulo Jacinto, já foi às cidades do Uíge, Negage, Malange, Calulo, Gabela, Porto Amboim, Sumbe, Lobito, Catumbela, Baía Farta, Benguela, Huambo, Caála, Cuito, Namibe, Lubango, Luanda e brevemente o Carrossel Móvel Infantil de Cabinda ao Cunene parte para as Lundas.
O parque de diversões móvel é para já a única oferta do género e tem sido solicitado para as festas de aniversários dos municípios e feiras provinciais.
Os carrosséis são instalados nos centros das cidades e vilas, em espaços habitualmente frequentados por muita gente. As autoridades locais têm colaborado com a empresa  do parque de diversões porque têm consciência de que existe uma grande carência de parques infantis e outros locais de diversão para as crianças, sobretudo no interior do país e particularmente nos centros populacionais mais isolados.
O parque de diversões anda sobre rodas e leva alegria às crianças e aos adultos, “de Cabinda ao Cunene”. Os comerciantes que participam nas feiras também gostam da presença dos carrosséis porque eles são sinónimo de grandes enchentes de pessoas e os negócios correm melhor.
O parque de diversões é um espaço muito mais atractivo, a cor e a forma dos equipamentos chama a atenção de miúdos e graúdos. Todas as crianças sonham com um dia bem passado num parque de diversões. Mas a esmagadora maioria das crianças angolanas só conhecem o ambiente do “luna parque” através da televisão ou nos filmes. Com o parque de diversões móvel, Angola inteira pode divertir-se nos carrosséis pintados com cores garridas e, à noite, cheios de luzinhas a piscar, dando um ambiente mágico.
Foi o que vimos na cidade do Uíge, durante as comemorações do 93º aniversário da cidade do Uíge, assinalado no passado dia 1 de Julho. O Projecto Carrossel Móvel Infantil de Cabinda ao Cunene ficou instalado na largo em frente à Rádio Nacional de Angola, no Uíge,o que mudou a imagem do local para melhor.
As obras operadas no largo tornaram o local mais bonito e muitos pais escolheram o parque de diversões para levar os filhos. “Toda a gente já andou num carrossel ou pelo menos já viu um na vida. Estes brinquedos são coloridos, luminosos e fontes de lembranças”, disse Maria Sango, que levou as suas duas filhas, Júlia e Telma, ao carrossel. “Sem dúvida que esta é a melhor prenda que posso dar às minhas filhas que só viram carrosséis pela televisão”, acrescentou Maria Sango.
Quem também levou os filhos ao carrossel móvel foi José Panzo. “É fantástico trazerem estas diversões às províncias e não ficarem apenas por Luanda, porque as crianças do interior também precisam de diversão”, disse José Panzo, enquanto empurrava o baloiço onde estava sentado o filho e o sobrinho.
Descontraídas, as crianças brincam deslumbradas com a imensidão de brinquedos disponíveis, que até aí eram apenas simples imagens que passavam pela televisão.
Para Carlos e Mário, dois meninos de nove e dez anos, que brincavam nas carruagens, o parque de diversões representa alegria.
Mas para aquelas duas crianças o carrossel era novidade, por isso, a curiosidade e a vontade de brincar era enorme. A noite não demorou e as luzes do carrossel piscavam como se fossem estrelas. Muitas fantasias corriam pelas mentes das crianças, brincavam nos cavalos, leões e elefantes.

Projecto filantrópico

Paulo Jacinto, responsável da Tondinha e Irmãos, explicou que o Projecto Carrossel Móvel Infantil de Cabinda ao Cunene, é uma iniciativa filantrópica que visa igualmente apoiar as crianças órfãs, abandonadas, acusadas de feitiçaria. Têm acesso gratuito ao parque de diversões e oferta de brinquedos.
“O nosso Projecto percorre longas distâncias, levando meios e homens, tudo com o objectivo de realizar o sonho das crianças. Damos emprego temporário a dezenas de pessoas, ajudamos os feirantes a aumentar os rendimentos”, informou Paulo Jacinto.
Em parceria com o Instituto Nacional da Criança (INAC), disse, o projecto tem trabalhado na sensibilização das crianças para doenças como sida, malária, gripe A, prevenção rodoviária e incêndios.
“Durante o Jardim do Livro Infantil, em parceria com o INAC, proporcionámos gratuitamente uma secção do carrossel para crianças desfavorecidas.
No dia 16 de Junho oferecemos no Bié, na comuna do Kunje, diversos brinquedos”, disse Paulo Jacinto. A empresa é também parceira do Ministério da Cultura na medida em que tem estado com o carrossel nas feiras do Jardim do Livro Infantil.“Necessitamos de apoios do Executivo e da sociedade civil para levarmos alegria a todas as crianças do país”, disse. Paulo Jacinto disse que a participação nas festas da cidade do Uíge “foi excelente” na medida que brindou as crianças com diversão gratuita durante dois dias.
“Agradeço ao Governo Provincial do Uíge, que prestou apoio total para o sucesso das festas e à nossa participação em particular”, disse Paulo Jacinto.
Desde o ano da sua fundação, em 2004, a Tondinha e Irmãos desenvolve projectos para divertir jovens e crianças. Trouxe a Angola o circo australiano, organizou o primeiro festival de rodeio, um show internacional de moto-acrobacia, com artistas da Zâmbia, Tânzania e República Democrática do Congo.
“Todos estes projectos percorreram as províncias, tendo deixado boas recordações na medida em que são projectos que geram emprego e alegria”, sublinhou Paulo Jacinto, acrescentando que a solidariedade caracteriza as suas acções. Recentemente, a Tondinha e Irmãos fez uma doação de 20 carros e diversos produtos, incluindo calçado, à Associação das Crianças Desfavorecidas de Angola (ACDA).Em Malange as crianças órfãs continuam a receber carinho da Tondinha e Irmãos.

Tempo

Multimédia