Províncias

Caxito vai produzir toneladas de ovos

Alfredo Ferreira| Bengo

A cidade de Caxito, na província do Bengo, vai começar a produzir, em breve, 32.613. 549 ovos por ano, na sequência do projecto Suavi Caboxa, afecto ao Ministério do Interior.

Membros do Executivo assistiram a colocação da primeira pedra
Fotografia: Maria João | Edições Novembro | Bengo

O referido projecto conta com um matador, fábrica de rações, complexo pecuário e uma fazenda avícola, com 100 mil galinhas do tipo poedeira.
Orçado em cerca de 12 milhões de dólares, o projecto, que já consumiu três milhões, na primeira fase, conta com um financiamento do gover-no alemão e enquadra-se nos programas de responsabilidade social da Caixa de Providência Social do Ministério do Interior.
Em declaração à imprensa, o secretário de Estado do Ministério do Interior, José Bamoquina Zau, fez saber na segunda-feira, aquando do lançamento do referido projecto, que o mesmo contará ainda com 16 mil suínos, 750 na primeira fase, bem como vai produzir, por hora, 3.590 toneladas de ração.
Explicou ainda que, na primeira fase, o projecto vai ter a capacidade de abate de 60 animais por dia, uma produção anual de 1.835 tonela-das de carne e um armazenamento de 340 cabeças, em câmaras frigoríficas.
José Bamoquina Zau fez saber que vão ser reservados alguns hectares, para o desenvolvimento de diversas culturas, para promover a actividade agrícola.
O secretário de Estado deu a conhecer que o projecto visa, também, a formação, reabilitação e ressocialização de reclusos, que, acrescentou, vão ter direito a um estímulo (vencimento), que está previsto à luz da lei penitenciária.

Tempo

Multimédia