Províncias

Cazengo reforça combate às doenças negligenciadas

O programa da luta contra as doenças tropicais negligenciadas (DTN) inicia, este mês, na província do Kwanza-Norte, a prospecção, vacinação e tratamento de crianças com idades entre os cinco e 15 anos contra a shistosomíase em alguns bairros da cidade de Ndalatando.

Segundo o responsável do programa, Pedro Samuel, esta actividade enquadra-se nos objectivos do Governo sobre a implementação dos cuidados primários de saúde no seio das comunidades com vista a reduzir a morbi-mortalidade por shistosomíase ou doenças tropicais negligenciadas.
Sublinhou que o programa deve mobilizar o maior número da população para a mudança de comportamento acerca da doença, com a eliminação da cadeia e fonte da sua infecção, vacinação de todos os habitantes das zonas consideradas hiper-endémicas e a redução de complicações dos diferentes diagnósticos. />Pedro Samuel revelou que os maiores focos de infecção encontram-se ao longo do rio Muembeji, bairros da Posse, Camunzunzulo, Sambizanga, assim como em águas estagnadas e outras mal tratadas na zona da Carreira de Tiro, Matandala.

Embondeiros e Kipata.

O técnico de saúde recordou que a shistosomíase já constitui um problema de saúde pública e afecta o aparelho urinário, digestivo, órgãos hematopoéticos e pode causar, entre outras sequelas, a infertilidade masculina e feminina e em casos extremos levar à morte sem confirmação do diagnóstico.

Tempo

Multimédia