Províncias

Centenas de jovens recebem instrumentos de trabalho no Bié

No âmbito do programa “Angola Jovem”, mais de 500 jovens da província do Bié receberam, este ano, kits profissionais, anunciou, ontem, no Kuito, o director provincial da Juventude e Desportos, ao analisar as actividades do projecto a nível da região.

No âmbito do programa “Angola Jovem”, mais de 500 jovens da província do Bié receberam, este ano, kits profissionais, anunciou, ontem, no Kuito, o director provincial da Juventude e Desportos, ao analisar as actividades do projecto a nível da região.
Carlos da Silva lembrou que os beneficiários já tiveram formação em diferentes áreas, através da Direcção Provincial de Emprego e Segurança Social e do Instituto Nacional de Formação Profissional e os que receberam kits já trabalham em empresas ou por conta própria. Os kits são de construção civil, prestação de serviço, produção agrícola e pesca.
Além do Kuito, o programa beneficiou, também, jovens dos municípios do Andulo, Kamacupa e Katabola. Chinguar, Kunhinga, Nharea, Chitembo e Kuemba também vão ser abrangidos. Neste momento, a Direcção Provincial da Juventude e Desportos está a trabalhar com o Conselho local da Juventude e várias associações públicas e privadas juvenis no sentido de identificar os futuros candidatos a beneficiarem de instrumentos de trabalho, disse.
Carlos da Silva afirmou que, em sincronia com os parceiros, estão a ser estudados mecanismos e critérios de distribuição, para que não haja descontentamento entre os jovens.No âmbito do programa “Angola Jovem”, milhares de pessoas carentes, nas 18 províncias do país, já receberam formação profissional em diferentes especialidades.
Além da formação, os jovens recebem também instrumentos de trabalho. Muitos deles optam por trabalhar por conta própria. Outros têm conseguido o seu primeiro emprego em empresas estatais ou privadas.

Tempo

Multimédia