Províncias

Centro de saúde passa a hospital municipal

O Centro Municipal de Saúde da Chibia é elevado à categoria de hospital, quando estiverem concluídas as obras de ampliação, o que está previsto para este mês, disse à Angop o chefe de repartição de saúde.

“A parte ampliada do hospital vai permitir acolher, com maior comodidade, os serviços de maternidade e pediatria”, afirmou Lourenço Bento, que referiu que a estrutura antiga permanece apenas com os serviços de clínica geral.
A Administração Municipal, anunciou, vai apetrechar a unidade com mobiliário, equipamentos de laboratório e outros meios indispensáveis para um bom funcionamento da unidade que passa a ter categoria de hospital por dispor de 50 camas, o dobro do que As obras, inseridas no Programa de Municipalização dos Serviços de Saúde de 2013, estão orçadas em 20 milhões de kwanzas.
A empreiteira está a finalizar trabalhos de instalação da rede eléctrica e de aplicação de mosaicos e pintura. Chibia, com 206 mil habitantes, tem dois centros hospitalares e 12 postos de saúde instalados no Jau, Quihita, Capunda Cavilongo e na sede municipal que emprega 180 trabalhadores, entre médicos. Enfermeiros, técnicos de laboratório, farmacêuticos e pessoal administrativo. Por outro lado, Lourenço Bento também anunciou a construção este ano de quatro casas para técnicos de saúde destacados no município da Chibia.
A construção, afirmou, enquadra-se no Programa de Municipalização dos Serviços de Saúde.
A Administração Municipal, disse, vai igualmente construir uma casa junto de cada estabelecimento sanitário na sede municipal, nas comunas da Quihita e Capunda Cavilongo e no sector de Nangalafa.
Este ano, o Programa de Municipalização de Saúde dispõe de 191 milhões de kwanzas para desenvolver projectos destinados a melhorar os serviços nas comunidades, para baixar os  índices de mortalidade na região.

Tempo

Multimédia