Províncias

Cidade comemora o aniversário com programa de inaugurações

Marcelo Manuel|Dondo

A inauguração de duas cascatas artificiais, uma delas na rotunda da Marginal, e a reinauguração de oito chafarizes e de um mercado, no bairro de Kissanga, marcaram a abertura das festividades do 35º aniversário da cidade do Dondo.

Inaugurado duas cascatas no município
Fotografia: Nilo Mateus|Dondo

A inauguração de duas cascatas artificiais, uma delas na rotunda da Marginal, e a reinauguração de oito chafarizes e de um mercado, no bairro de Kissanga, marcaram a abertura das festividades do 35º aniversário da cidade do Dondo.
Os empreendimentos, orçados em cerca de 12,3 milhões de kwanzas, foram construídos no âmbito dos investimentos de gestão municipal e de combate à pobreza, uma iniciativa do Executivo para melhorar a qualidade de vida da população.
Conceição Engenheiro, vendedora, há mais de 22 anos, no mercado da Kissanga no Dondo, lembrou que antes as vendas eram feitas em más condições, principalmente de higiene, sobretudo no tempo de chuva.
Esperança Domingos, do bairro Kibululu, disse que antes da inauguração do chafariz no sítio onde mora a água tinha de ser retirada dos rios Kwanza e Mucoso.
O chefe de secção dos serviços municipais de fornecimento de água, José de Oliveira, disse que o actual sistema funciona com duas linhas, uma para o fornecimento ao domicílio e outra para fábricas e instituições públicas. O sistema funciona com um tanque de armazenamento, com capacidade para mil metros cúbicos e um bombeamento de 40 metros cúbicos.
O administrador municipal de Cambambe, Mateus da Costa, pediu à população que conserve as infra-estruturas inauguradas.
Dondo foi elevada à categoria de cidade em 29 de Maio de 1973. Foi, em 1857, sede de conselho.

Tempo

Multimédia