Províncias

Comércio melhorado com mais mercados

Joaquim Júnior | Damba

Os mercados construídos em Caindo, Quicumba-a-Lembu e na sede comunal do Nsosso, no âmbito do Programa de Combate à Pobreza”, “vão ajudar a melhorar a articulação do comércio rural”, disse a administradora municipal da Damba, Maria Cavungo.

Novos mercados vão contribuir para a melhoria da articulação do comércio rural no município
Fotografia: Filipe Botelho| Damba

Os dois primeiros têm, cada um, cem lugares e o da sede comunal o dobro.
Os três foram inaugurados no quadro das comemorações dos 64 anos da fundação do município da Damba.
Na localidade de Manfuangui, município da Damba, foi também inaugurado um posto médico com capacidade para 20 camas. A administradora municipal afirmou que Damba já tem prontas cem casas sociais T3, das 200 previstas.
Na sede municipal, junto ao antigo aeródromo, já começou a segunda fase de construção das últimas cem casas e a ser edificado  o Instituto Médio Politécnico com capacidade para 200 alunos internos.
A administradora lembrou que no município foram construídas 70 escolas frequentadas por 19.700 alunos no ensino primário, bem como do I e II ciclos do secundário e que têm no total 418 professores. O município tem dois hospitais, outros tantos centros materno-infantil e 18 postos de saúde. Na Expo Damba, que reuniu vários agricultores, permitiu mostrar as potencialidades agrícolas da região. Produtos diversos cultivados no município, como como banana, abóbora, jinguba, mandioca, feijão, couve, repolho, cebola e batata-doce foram expostos na maior feira da região.
 O governador provincial, Paulo Pombolo, encorajou os agricultores locais a aumentarem campos de cultivo e a aproveitarem, mas de “forma racional”, as terras aráveis de Nkamantambu, Nsosso, Lêmbua e Mpete Nkusso e “a imensa bacia hidrográfica do município”.
Paulo Pombolo, que referiu o interesse dos camponeses estarem melhor organizados para lhes ser mais fácil participarem no processo de diversificação das culturas, pediu a investidores e empreendedores que desenvolvam projectos económicos viáveis e capazes de criar emprego para os jovens da Damba.

Tempo

Multimédia