Províncias

Crianças desfavorecidas em formação

Pelo menos 206 adolescentes e jovens a viver na rua frequentam, desde Julho último, nos arredores do município de Benguela, cursos de formação profissional em diversas áreas, anunciou ontem, em Benguela, o director provincial do Instituto Nacional da Criança (INAC). Ricardo Lourinho esclareceu que é uma iniciativa conjunta entre o INAC e o Instituto Nacional de Emprego e Formação Profissional.

Tempo

Multimédia