Províncias

Cuando Cubango com mais mestres de artes e ofícios

Weza Pascoal | Menongue

A província do Cuando Cubango conta com mais mestres de artes e ofícios, formados pelo centro de formação profissional da Cáritas, em Menongue, disse ontem, ao Jornal de Angola, o coordenador do  centro, Nelito Michael Zeca.

Os jovens postos à disposição do mercado de trabalho foram formados em informática, culinária, pastelaria, decoração, contabilidade, electricidade e alvenaria.
A acção formativa, que decorreu de Abril a Junho do corrente ano, permitiu a formação de 82 jovens na especialidade de informática, 22 em culinária e igual número em electricidade, nove em decoração, seis em contabilidade, cinco em pastelaria e três em alvenaria.
O coordenador do centro, Nelito Michael Zeca, disse que o projecto Cáritas tem como objectivo principal promover cursos profissionais de curta duração, no sentido de formar técnicos profissionais com conhecimentos científicos, teóricos, práticos e a orientação da juventude para incentivar o auto-emprego.
O centro conta com 21 formadores e cinco salas, situação que tem dificultado o seu pleno funcionamento e impede alguns jovens de ter formação profissional.

Tempo

Multimédia