Províncias

Administração do Cunene investe no sector da saúde

Adelaide Mualimusi| Ondjiva

Os investimentos nos sectores da Saúde e Ambiente, no município do Cuanhama, no Cunene, vão ser reforçados em 2015, para prevenir doenças e melhorar o atendimento às comunidades, através das consultas ambulatórias, garantiu o administrador.

As autoridades administrativas locais pretendem melhorar o atendimento às comunidades
Fotografia: Rafael Tati

Gonçalves Namweya disse que vai ser dada também atenção a todos os sectores da administração que intervêm na arrecadação de receitas do Estado, para aumentar as cobranças diversificadas, de modo a engrandecer a economia nacional.
O administrador referiu-se aos resíduos sólidos que muito preocupam as autoridades, mas disse que para esta empreitada é necessário o envolvimento dos  munícipes. “Vamos no próximo ano construir mais pontos de transferência de lixo, aquisição de contentores e plantação de árvores”.
Quanto às acções realizadas no âmbito de combate à pobreza, destacou as consultas ambulatórias, construção e reabilitação de sete unidades sanitária em três comunas das cinco que compõe o município e apetrecho da morgue do Centro de Saúde da Missão Católica de Omuilunga. Foram ainda vacinados 71.427 crianças contra a pólo, 113.936 contra o sarampo e 605 receberam a vitamina A.
Também foi melhorada o a­bastecimento da água no meio rural, instalação de chafarizes ao longo da conduta nas comunas da Mongua e Ondjiva, além da abertura de oito captações artesanais e reabilitação de cinco em diferentes localidades do município.
A administração tem apoiado às associações de camponeses com instrumentos agrícolas, juntas de bois para tracção animal e do projecto da cintura verde do Evale.

Tempo

Multimédia