Províncias

Cooperativas com viaturas para escoar bens do campo

Adelaide Mualimusi | Calueque

As cooperativas agrícola e pesqueira do Calueque, comuna de Naulila, município de Ombadja, no Cunene, dispõem desde terça-feira de três carrinhas e dois tractores, destinados a facilitar o escoamento dos produtos do campo para a cidade.

As cooperativas agrícola e pesqueira do Calueque, comuna de Naulila, município de Ombadja, no Cunene, dispõem desde terça-feira de três carrinhas e dois tractores, destinados a facilitar o escoamento dos produtos do campo para a cidade.
Depois de fazer a entrega dos meios, o governador António Didalelwa disse que o apoio, enquadrado no Programa Integrado de Desenvolvimento Rural e de Combate à Fome e à Pobreza, visa aumentar a produção dos camponeses e dos pescadores e diversificar a dieta alimentar das populações do município de Ombadja e da província em geral.
“Das três carrinhas, uma é frigorífica, o que vai permitir conservar o pescado”, disse o governador.
Segundo António Didalelwa, a população já não terá necessidade de se deslocar à vizinha República da Namíbia à procura de bens alimentares, visto que as cooperativas vão poder escoar os seus produtos, sem grandes dificuldades, para diversos pontos da província do Cunene.
Nessa perspectiva, pediu aos membros das cooperativas beneficiadas para preservarem as embarcações, pagar as licenças de pesca e amortizar os créditos bancários, para facilitar a atribuição de empréstimos a outras cooperativas. Defendeu ainda a necessidade das cooperativas trabalharem de forma responsável e sustentável, pensando nas futuras gerações e respeitando as normas que regulamentam a actividade.
O vice-presidente da cooperativa agrícola Simihone Mucuni, Neto Carlos Miguel, disse que os associados têm produzido diversos produtos, como batata-doce e rena, cenoura, banana, cana-de-açúcar, arroz, milho, feijão, ginguba e ervilha. Além disso, sublinhou que a sua cooperativa já beneficiou de crédito agrícola, o que permitiu aumentar a produção, apesar de enfrentar dificuldades, por falta de transporte para o escoamento dos produtos.
Em Calueque, o governador António Didalelwa manteve um encontro com a população, onde falou dos projectos do governo do Cunene, destinados a melhorar o nível de vida dos munícipes.
António Didalelwa disse que dos programas traçados fazem parte a urbanização da povoação do Calueque, melhoria na distribuição de energia e água, reabilitação de ruas, construção de um aeródromo, instalação de uma agência do Banco de Poupança e Crédito, antena de telemóvel da Unitel e residências para enfermeiros e professores.

Tempo

Multimédia