Províncias

Crianças de Namacunde com melhores condições

Adelaide Mualimusi | Ondjiova

Com o objectivo de criar melhores condições de ensino e aprendizagem aos alunos da localidade de Okadweia, no município de Namacunde, o Governo Provincial do Cunene construiu uma escola com três salas, para albergar cerca de 420 crianças.

Com o objectivo de criar melhores condições de ensino e aprendizagem aos alunos da localidade de Okadweia, no município de Namacunde, o Governo Provincial do Cunene construiu uma escola com três salas, para albergar cerca de 420 crianças.
Inaugurada na segunda-feira pelo vice-governador provincial para o sector económico, António Candeeiro, a instituição de ensino primário, construída de raiz, está totalmente apetrechada para acolher alunos em dois turnos.
O estabelecimento de ensino possui gabinete do director, secretaria, sala de professores, casa de banho, varanda, um pátio vasto para a prática de actividades desportivas e recreativas, entre outros, e a sua construção custou 21,7 milhões de kwanzas. Em Santa Clara, também em Namacunde, o vice-governador inaugurou ainda uma escola com seis salas, construída pela Organização das Nações Unidas para a Infância (UNICEF).
A instituição escolar tem capacidade para albergar 630 crianças do ensino primário.
Construída, no âmbito do projecto social daquele organismo das Nações Unidas, a escola foi erguida em 120 dias e custou 23,5 milhões de kwanzas.
O vice-governador António Candeeiro considerou a entrada em funcionamento das escolas um valor acrescentado para as comunidades e em especial para as crianças, e adiantou que vão absorver menores que ainda se encontram fora do sistema normal de ensino.
A par da inauguração das escolas, António Candeeiro procedeu ainda à entrega, na localidade de Okadweia, de duas residências T3, sendo uma para professores e outra para os enfermeiros.

Tempo

Multimédia