Províncias

Cunene mobilizada para combater a febre-amarela

Elautério Silipuleni | Ondjiva

A primeira etapa da campanha de vacinação contra a febre- amarela na província do Cunene arrancou na semana passada e termina no próximo dia 1 de Julho, anunciou, em Ondjiva, o vice-governador para o sector político e social.

José do Nascimento Veyeleinge pediu aos vacinadores maior empenho e paciência para abranger o maior número possível de habitantes da região.
O director provincial da Saúde, Belarmino Satxohamba, garantiu que as doses recebidas vão ser distribuídas aos municípios do Cuanhama e Cahama, por serem as regiões da província que registaram os quatro casos de febre amarela que resultaram em morte.
Acrescentou que cerca de uma centena de técnicos de saúde da província estão engajados nesta campanha intensiva, que vai procurar vacinar todas a gente. “Temos consciência que existem ainda muitas pessoas que não foram vacinadas e, por isso, vamos intensificar a vacinação nas escolas, igrejas e noutros locais de maior concentração populacional destas duas municipalidade, com equipas móveis e fixas”. As campanhas de fumigação, combate aos focos de lixo e águas estagnadas, fazem também parte de outras acções.

Tempo

Multimédia