Províncias

Enfermeiros do Chiulo pedem formação

Elautério Silipuleni | Chiulo

A necessidade de formação contínua dos profissionais de Saúde, o incentivo ao recrutamento de novos técnicos e a elaboração de um plano de formação especializada para os técnicos do ramo foram as principais recomendações aprovadas na sexta-feira, nas primeiras Jornadas Científicas de Enfermagem do Hospital Católico do Chiulo.

Enfermeiros são considerados os técnicos mais disponíveis no ramo da saúde
Fotografia: Eduardo Pedro

As jornadas contaram com a participação de enfermeiros oriundos de vários pontos da província e foram orientadas por técnicos de saúde nacionais e estrangeiros.
No encontro, os participantes consideraram salutar a divulgação dos protocolos actualizados do tratamento da malária, cólera, febre tifóide e da fistula obstétrica, tal como a promoção permanente de encontros de actualização de conhecimentos dos técnicos de saúde.
A directora do Hospital da Missão Católica do Chiulo, Judite Ndilimindjo, salientou que a prática da enfermagem deve ser associada a trabalhadores adequadamente formados, em número suficiente e motivados, para um exercício mais profissionalizado em prol da população. “Os enfermeiros são profissionais mais disponíveis no ramo da saúde para servir a população”, frisou a directora do hospital da Missão Católicaque, por esta razão, recomendou que a classe trabalhe com mais responsabilidade.
O vice-governador para o sector económico, António Candeeiro, solicitou aos participantes que ponham ao serviço da população os ensinamentos adquiridos na formação, aumentando as competências e atributos.
Depois de pedir uma maior união de classe aos enfermeiros, para que a troca de experiências seja uma prática corrente a nível da província, referiu que quando houver maior empenho na aprendizagem dos vários temas de saúde da actualidade, os níveis de prestação de serviços podem estar mais elevados. António Candeeiro explicou que o Executivo definiu várias metas no domínio da saúde, principalmente acções que visam a redução da mortalidade materna infantil e infanto-juvenil.
As jornadas científicas de enfermagem do Hospital do Chiulo visaram principalmente o reforço da capacidade técnico-científico do pessoal de enfermagem no combate à cólera, sarampo, meningite e febre tifóide, assim como incentivar a investigação científica entre a classe. As jornadas Científicas tinham ainda como objectivo garantir uma resposta oportuna, organizada e sistemática em casos de surto de certas doenças naquela unidade sanitária.

Tempo

Multimédia