Províncias

Hospital de referência na cidade de Ondjiva

Elautério Silipuleni | Ondjiva

O Governo Provincial do Cunene tem prevista a construção, no próximo ano, de um hospital regional em Ondjiva, para descongestionar o actual, que regista uma superlotação de pacientes.

Um dos objectivos do projecto é descongestionar o actual hospital da cidade de Ondjiva
Fotografia: Jornal de Angola

Os termos de referência para a construção do hospital regional foram apreciados e aprovados em Ondjiva, durante a III sessão ordinária do Governo do Cunene, orientada pelo governador António Didalewa.  O novo empreendimento vai dispor de áreas administrativas, urgência, bloco operatório, salas de internamento e conferências, unidades especiais com serviços de apoio clínico, centro de reabilitação física e outros serviços.
De acordo com o director provincial da Saúde, Elautério Hivilikwa, que apresentou o o projecto de construção de um novo hospital, este vai permitir que as pessoas sejam assistidas de forma humanizada e evitar grandes enchentes na unidade existente.
O actual hospital foi concebido para ter 250 camas, mas esta capacidade há muito que foi ultrapassada, devido ao aumento de pacientes provenientes de diversos pontos da província.
O governador do Cunene, António Didalelwa, disse que a pretensão de construção do novo hospital tem como objectivo prestar melhores serviços à população, por isso admitiu ser urgente a construção de uma nova unidade sanitária em Ondjiva, para reduzir o número de cidadãos angolanos que procuram assistência na Namíbia. António Didalelwa explicou que a proposta consta do orçamento da província para o próximo ano e que vão ser feitos todos os estudos necessários, junto do Ministério da Saúde.

Tempo

Multimédia