Províncias

Inaugurada uma escola na povoação de Chilau

Elautério Silipuleni | Kahama

A povoação do Chilau tem, desde domingo, uma escola do ensino primário, com capacidade para 149 alunos, que deixam de assistir às aulas debaixo de árvores.

A povoação do Chilau tem, desde domingo, uma escola do ensino primário, com capacidade para 149 alunos, que deixam de assistir às aulas debaixo de árvores.
A escola, inaugurada pelo governador António Dilalelwa, tem três salas de aula e uma de reuniões, gabinete do director e outros compartimentos completamente apetrechados com mobiliário e material de ensino.
O estabelecimento, construído de raiz no âmbito do programa de melhoria e aumento da oferta de serviços sociais básicos à população, vai permitir também a inserção de mais alunos, que se encontram fora do sistema de ensino.  António Didalelwa frisou que a inauguração da escola demonstra “a grande importância que o governo atribui à formação das crianças e dos jovens da província do Cunene”.  
Acções do género, garantiu, vão prosseguir, tendo em vista a inserção de todas as crianças no sistema normal de ensino, construindo, reabilitando e apetrechando escolas em todas as localidades da província.   
  A escola dispõe, para já, de três professores, número considerado insuficiente para atender à quantidade de alunos na povoação. 
A inauguração da escola da povoação de Chilau enquadrou-se nas comemorações do oitavo aniversário da assinatura do memorando de entendimento no Luena, em 4 de Abril de 2002.  

Tempo

Multimédia