Províncias

Mais pessoas com Bilhetes de Identidade

Adelaide Mualimusi | Ondjiva

O departamento provincial do Cunene de Identificação Civil e Criminal emitiu, no ano passado, 30.459 Bilhetes de Identidade e 13.616 registos criminais, informou ao Jornal de Angola o chefe de Arquivo da instituição.

Expansão dos serviços da Justiça faz com que a população da região tenha mais facilidade em tratar documentos como o Bilhete de Identidade
Fotografia: Santos Pedro |

Zacarias Hossi Oliveira referiu que com a emissão dos documentos, a instituição arrecadou receitas de sete milhões de kwanzas. Os Bilhetes de Identidade foram emitidos de forma gratuita, no quadro do programa do Executivo que isenta de qualquer pagamento todos os cidadãos que tratam o documento pela primeira vez.
Zacarias Oliveira acrescentou que nos municípios onde a instituição não dispõe de instalações, o processo de emissão do Bilhete de Identidade tem sido realizado com recurso a uma central móvel, que conta com os mesmos meios técnicos existentes nos postos fixos e que periodicamente circula pelo interior da província.
A  actividade do departamento provincial de Identificação Civil e Criminal é actualmente assegurada por 41 funcionários, entre técnicos e pessoal administrativo.
Os Serviços de Identificação funcionam com sistema fixo na Loja dos Registos, Arquivo Municipal do Cuanhama e os Arquivos Municipais recém-criados de Cuvelai, Cahama e Namacunde. Segundo Zacarias Oliveira, o sector enfrenta dificuldades ligadas à falta de sistema de impressão do Bilhete de Identidade no  Cuvelai, devido a um curto circuito de energia que afectou os aparelhos informáticos. Também a impressora de registo criminal no município do Cuanhama não se encontra a funcionar.
A carrinha móvel de apoio à emissão do Bilhete de Identidade também está avariada.
De acordo com o chefe do Arquivo, para o presente ano está prevista a extensão dos Serviços de Identificação em todos os municípios do Cunene, o reforço com mais meios informáticos e rolantes, além do preenchimento de vagas.

Tempo

Multimédia