Províncias

Manutenção de diques de protecção atenuam cheias

Domingos Calucipa

O vice-governador do Cunene para o sector Técnico e Infra-estruturas, Feliciano Himulova, considerou, na segunda-feira, a manutenção periódica dos diques de protecção da cidade de Ondjiva contra as inundações, uma necessidade imperiosa para impedir a invasão das águas nas zonas habitadas.

Fotografia: DR

Falando no final de uma visita, aos diques de protecção, o governante afirmou que se torna cada vez mais importante a sua manutenção e as das valas de drenagem, para mitigarem as acções das cheias.
Salomão Himulova destacou que o governo deu início em 2017, ao processo de recuperação dos diques, dos bairros: Pioneiro Zeca, Castilhos e Bangula, que se resume na requalificação e limpeza das valas de drenagem, de modos a facilitarem a evacuação das águas, nos pontos de retenção .A cidade de Ondjiva beneficiou, em 2011, de oito diques de protecção e mais de uma dezena de passagens hidráulicas.
O objectivo foi regular as principais linhas de água decorrentes da Bacia do Cuvelai e evitar inundações, como as que aconteceram em 2009 e que desa-lojaram mais de duas mil e qui-
nhentas pessoas.

Tempo

Multimédia