Províncias

Milhares de adultos aprendem a escrever

Adelaide Mualimusi|Ondjiva

Ao todo, 15 mil adultos, entre os 18 e 49 anos, foram matriculados, este ano, na província do Cunene, em cursos alfabetização, revelou, na quinta-feira, em Ondjiva, a coordenadora local do programa.

Ao todo, 15 mil adultos, entre os 18 e 49 anos, foram matriculados, este ano, na província do Cunene, em cursos alfabetização, revelou, na quinta-feira, em Ondjiva, a coordenadora local do programa.
Suzana Daniel, que falava no encerramento da semana de alfabetização e aceleração escolar, em que participaram elementos do governo, representantes de igrejas, autoridades tradicionais, alfabetizadores e alfabetizados, disse que dos 15 mil inscritos, 4.404 ficaram apurados para o segundo módulo do primeiro trimestre.  As mulheres constituem a grande maioria da população angolana, mas boa parte está desempregada, lamentou, acrescentando:  “É preciso que se dê espaço a estas pessoas para que conquistem um espaço, liberdade, emancipação e desenvolvimento, através da formação académica e técnicoprofissional”, destacou a coordenadora Suzana Daniel.
O director provincial da Educação, em representação do governador do Cunene, salientou os esforços de todos envolvidos no processo de alfabetização e de recuperação do atraso escolar na região, especialmente as igrejas, líderes comunitários, Organizações Não Governamentais, JMPLA e as autoridades tradicionais.

Tempo

Multimédia