Províncias

Milhares de crianças vacinadas contra o sarampo e poliomielite

Alfredo Ferreira | Caxito e Adelaide Mualimusi | Ondjiva

A coordenação de vigilância epidemiológica da província do Bengo prevê vacinar, até ao dia 22 do mês em curso, 79.177 crianças contra o sarampo e a poliomielite.

Mobilização deve ser redobrada
Fotografia: Edmundo Eucílio

A coordenação de vigilância epidemiológica da província do Bengo prevê vacinar, até ao dia 22 do mês em curso, 79.177 crianças contra o sarampo e a poliomielite.
Durante o acto de abertura da campanha, na sexta-feira, no município do Dande, José Jeremias, afirmou que do número previsto pelo sector da Saúde, 35.893 crianças são vacinadas no meio urbano e 43.284 nas zonas rurais.
José Jeremias disse que para a presente campanha, a instituição contou com 72 mobilizadores, 144 vacinadores, 16 coordenadores, num total de 203 pessoas envolvidas. Para efectivação da campanha foram preparadas 79.177 vacinas.
José Jeremias informou que, no decurso do presente ano, a instituição que dirige registou mais de 50 casos de sarampo, sem vítimas humanas.O administrador municipal do Dande, Mateus Diogo, por altura da campanha, apelou aos pais e encarregados de educação para levarem as crianças aos postos de vacinação, para que todos pudessem beneficiar da vacina.

 Meio milhão de crianças

As autoridades sanitárias da província do Cunene imunizar, durante a terceira fase da campanha de vacinação contra a poliomielite e sarampo, 563.896 crianças, dos zero aos cinco anos.
 Para o efeito, foram disponibilizadas 158.844 doses de vacina contra a pólio, 135.017 contra o sarampo, 142.960 de vitamina A e 127.075 de albendazol.
 O governador do Cunene, António Didalelwa, disse que a mobilização da população deve ser redobrada, por ainda existirem pessoas que teimam em não levar os seus filhos para serem vacinados, um acto reprovável.Cumprir mais uma jornada de vacinação é pôr em prática os 11 compromissos da criança, evitando mortes nesta idade, disse o número um da província, apelando às pessoas que tiverem meios de transporte a juntarem-se e a prestarem apoio na transportação de outros aos centros de vacinação. Para a referida campanha foram constituídas 94 equipas, seis assessores, 54 coordenadores e supervisores, 284 enfermeiros, 284 mobilizadores e voluntários. Contabilizando, 666 pessoas estiveram engajados.

Tempo

Multimédia