Províncias

Mulher mata marido

Adelaide Mualimusi | Ondjiva

 Manuel Venaooshe morreu há dias na localidade de Onenghali, município do Kwanhama, 170 quilómetros a nordeste de Ondjiva, província do Cunene, ao ser agredido pela sua esposa.

 Manuel Venaooshe morreu há dias na localidade de Onenghali, município do Kwanhama, 170 quilómetros a nordeste de Ondjiva, província do Cunene, ao ser agredido pela sua esposa. A informação foi prestada ao Jornal de Angola pelo superintendente Calos Alberto, porta-voz do Comando Provincial da Polícia Nacional no Cunene, tendo revelado que Teresa Simon Muashituanai, de 38 anos, esposa da vítima, confessou o crime.
Carlos Alberto disse que o homicídio ocorreu na quarta-feira passada, por volta das 17h00, na comuna da Môngua, na sequência de desavenças conjugais. A vítima, que foi empurrada por Teresa Simon, caiu em posição frontal e teve morte imediata. O processo-crime já se encontra em fase preparatória. Logo que esteja concluído será encaminhado para o Tribunal, para o veredicto final.
O Comando Provincial da Polícia Nacional registou, de 9 a 17 de Dezembro, nos municípios do Ombadja, Namacunde, Cahama e Kwanhama, 28 crimes, entre furto de gado e telemóveis, violação de menores, homicídio voluntário, condução ilegal e desobediências. Foram apreendidas 38 viaturas, 11 motorizadas e retidas 64 cartas de condução e 26 livretes por infracções diversas ao Código de Estrada.

Tempo

Multimédia