Províncias

Município de Ombadja tem novas infra-estruturas

Dionísio David | Xangongo

Os resultados obtidos com o Programa Nacional de Combate à Pobreza no município de Ombadja são positivos, de acordo com o seu administrador.

Manuel Taby revelou na semana finda, em Xangongo, que durante o ano de 2013 as autoridades edificaram diversas infra-estruturas sociais, que permitem minorar os problemas das populações locais.
Apesar das dificuldades conjunturais, como resultado da situação da seca e fome, que afecta grande parte da população do município, tudo tem sido feito no sentido de se cumprir o que está estabelecido. Para este mês de Novembro, está prevista a inauguração de vários empreendimentos, entre os quais duas escolas com seis salas cada, na sede da comuna de Ombala-ya Mungu e residência do administrador.
Na localidade de Calueque, comuna de Naulila, está em curso a construção de uma escola com quatro salas e outras infra-estruturas sociais, como escolas, postos de saúde e residências para professores e enfermeiros, foram construídas ao longo da fronteira comum Angola/Namíbia. Na sede municipal decorrem as obras de construção da repartição municipal de Saúde e de uma escola com quatro salas na localidade de Capanda, a 12 quilómetros de Xangongo. Domingos Taby lembrou que o programa de combate à pobreza, a nível do seu município, está a ser aplicado em pleno nas cinco comunas, onde decorrem, desde o início do processo, obras de construção de postos sanitários.

Água potável

Moradores da cidade de Ondjiva e arredores, assim como os da sede da comuna da Mongua e povoação da Bulunganga, vão beneficiar de água potável a partir de hoje.
De acordo com o director da Energia e Águas, João Borges, nesse momento está a ser feita a testagem e lavagem da conduta, assim como a construção dos tanques de recepção, distribuição e de reserva.  Assegurou que as populações que vivem ao longo do percurso da conduta, designadamente as do Xangongo, Mongua e Bulunganga, já usufruem de água potável.

Tempo

Multimédia