Províncias

Ombadja tem falta de enfermeiros

A Repartição da Saúde do município de Ombadja revelou que carece de pelo menos 15 enfermeiros para cobertura adequada da rede sanitária nas diferentes unidades sanitárias da região.

Saúde no Cunene quer mais técnicos
Fotografia: Jornal de Angola

A Repartição da Saúde do município de Ombadja revelou que carece de pelo menos 15 enfermeiros para cobertura adequada da rede sanitária nas diferentes unidades sanitárias da região.
Segundo o chefe da Repartição Municipal da Saúde na circunscrição, Nicasio Ndeulikufua, o município conta com 200 enfermeiros, na sua maioria concentrados nos hospitais de Xangongo e do Chiulo, enquanto outros estão em diferentes centros médicos e postos de saúde. “Dada a sua extensão, é bastante ínfimo o número de enfermeiros que presta serviço em 32 unidades sanitárias, sendo dois hospitais, nove centro de saúde e 21 posto médico”, disse.
Quanto aos medicamentos, Nicasio Ndeulikufua declarou que não existe qualquer preocupação, na medida em que a Direcção Provincial da Saúde tem feito o abastecimento regular de fármacos.
O município de Ombadja dista a 97 quilómetros a norte da cidade de Ondjiva e comporta cinco comunas com uma população de mil 209 habitantes. 

Tempo

Multimédia