Províncias

Ondjiva sem reagentes para o controlo dos seropositivos

O serviço de Saúde Pública no município de Ombadja, a 96 quilómetros de Ondjiva, enfrenta, desde Janeiro, carência de reagentes para o aparelho CD4, destinado aos testes de controlo de 1.888 pessoas portadoras do vírus da sida.

Fotografia: Benjamin Cândido| Edições de Novembro

A informação consta de um comunicado da Administração Municipal de Ombadja, que explica que das 1.888 pessoas seropositivas 228 são mulheres grávidas, que necessitam de atendimento regular.

O aparelho CD4, diz o comunicado, é crucial na assistência médica dos seropositivos, pois permite avaliar o grau imunológico do paciente, bem como indicar o diagnóstico, para mudanças de medicação, com retrovirais. O documento refere a necessidade da construção de centros de aconselhamento e testagem voluntária.

Tempo

Multimédia