Províncias

Palestra sobre Gripe A em Ondjiva

Estudantes do Instituto Médio Politécnico de Ondjiva, na província do Cunene, foram sexta-feira esclarecidos sobre os modos de prevenção e os primeiros cuidados a ter para com a Gripe A/H1N1, numa palestra promovida pelo secretariado do Comité de Especialidade dos Jornalistas do MPLA na região.

A pandemia de gripe A constitui uma das grandes preocupações da saúde
Fotografia: Divulgação

Estudantes do Instituto Médio Politécnico de Ondjiva, na província do Cunene, foram sexta-feira esclarecidos sobre os modos de prevenção e os primeiros cuidados a ter para com a Gripe A/H1N1, numa palestra promovida pelo secretariado do Comité de Especialidade dos Jornalistas do MPLA na região.
O encontro teve como prelector o director provincial da Saúde no Cunene, Eduardo Haiumba, que transmitiu aos presentes toda a informação necessária sobre os cuidados possíveis e modo de transmissão.
Ele aconselhou a, em casos suspeitos da doença, os pacientes se dirigirem à unidade sanitária mais próxima.
O responsável da saúde pediu a calma aos estudantes, uma vez que a situação está controlada no país.
Eduardo Haiumba disse que a província do Cunene dispõe de duas unidades hospitalares para atendimento de eventuais casos suspeitos de gripe A.
Informou também aos alunos que o governo local tem vindo a redobrar as medidas de segurança para evitar o surgimento de casos no Cunene.
As medidas de prevenção são sobretudo levadas a cabo em zonas estratégicas, como os postos fronteiriços entre Angola e a Namíbia e no aeroporto de Ondjiva.
Por seu turno, o porta-voz local do Comité de Especialidade dos Jornalistas do MPLA, Cláudio Neto, referiu que a sua agremiação, com este exercício, pretende contribuir nas acções de sensibilização e esclarecimento sobre a gripe A.
Por esta razão, disse, escolheu-se o Instituto Médio Politécnico de Ondjiva para dar alguns esclarecimentos sobre a patologia aos estudantes e professores da instituição de ensino.
O estudante António Pedro mostrou-se satisfeito pela realização da palestra e advogou que actividades desta natureza devem ser feitas noutras escolas, nos arredores de Ondjiva. A gripe A/H1N1, antes identificada como suína, teve origem no México.

Tempo

Multimédia