Províncias

Pessoas com vírus da sida têm um apoio suplementar

Adelaide Mualimusi | Ondjiva

A organização não-governamental “Viver Com Esperança” (VICEP) vai apoiar o Hospital Geral de Ondjiva com medicamentos, alimentação e transporte para os portadores do vírus da sida fazerem consultas de rotina, anunciou a directora da agremiação.

Doentes com VIH/Sida internados no Hospital de Ondjiva com tratamento mais facilitado
Fotografia: Jornal de Angola

Maria Sandra Ndamowenda referiu que, no âmbito da promoção e desenvolvimento das actividades filantrópicas direccionadas para a educação, saneamento básico, protecção do meio ambiente e doenças endémicas e sexualmente transmissíveis, a sua organização vai privilegiar os portadores do vírus da sida no Cunene. Depois de percorrer as áreas de medicina geral, Centro de Aconselhamento e Testagem Voluntario (CTV) e pediatria, a responsável do VICEP ofereceu uma merenda às crianças internadas.
A directora de enfermagem, Velacia Toinguenawa, disse que esta ajuda vai diminuir, significativamente, as dificuldades alimentares e de transporte por que passam as pessoas que vivem com o vírus da sida.
“Viver Com Esperança” é uma organização não-governamental par­ticularmente activa na divulgação de informações sobre a doença e na redução do preconceito, estigma e discriminação dos portadores deste vírus. 

Tempo

Multimédia