Províncias

Peste mata gado na área do Evale

Adelaide mualimuai| Ondjiva

Pelo menos 18 cabeças de gado bovino morreram de Setembro a Outubro em várias aldeias da comuna do Evale, município do Cuanhama, vítimas de carbúnculo sintomático.

 Pelo menos 18 cabeças de gado bovino morreram de Setembro a Outubro em várias aldeias da comuna do Evale, município do Cuanhama, vítimas de carbúnculo sintomático.
A informação foi revelada ontem pela administradora do Evale, Celeste Muahala. Em declaração ao Jornal de Angola, Celeste Muahala disse que  o alerta vem  expresso numa carta dos criadores tradicionais  de gado das  aldeias de Oshimbango, Etanga e Onluheke dirigida à administração municipal.
 De acordo com a administradora, a doença está a causar pânico entre os criadores, mas a administração pediu calma e prometeu enviar o documento ao Instituto de Veterinária, para medidas que evitem o alastramento da doença.
Segundo a carta dos criadores, os sintomas da doença manifestam-se por tosse, pescoço do animal esticado, boca aberta com a língua de fora, saliva ao à volta da boca, inchaço da garganta e barbela. Os animais deixam de comer.

Tempo

Multimédia