Províncias

Programa de alfabetização chega a milhares de pessoas

No município de Ombadja, província do Cunene, quatro mil pessoas estão a beneficiar de aulas de alfabetização este ano lectivo.

Muitas são as pessoas que têm sido alfabetizadas em várias partes do país
Fotografia: Jornal de Angola

No município de Ombadja, província do Cunene, quatro mil pessoas estão a beneficiar de aulas de alfabetização este ano lectivo. Segundo o chefe da secção de alfabetização, André Hihalua, esta acção enquadra-se no Programa Nacional de Aceleração Escolar em curso no país, com vista à erradicação do analfabetismo.
As aulas estão a ser administradas nas cinco comunas e aldeias do município, contando com a colaboração de igrejas e outras organizações da sociedade civil, disse André Hihalua.
O chefe da secção de alfabetização frisou que a secção de Educação dispõe de 80 salas de aulas e igual número de alfabetizadores, número que considera ainda insuficiente para a cobertura do município, tendo em conta as necessidades.
André Hihalua informou que anteriormente o sistema de alfabetização era ministrado semestralmente, mas agora passou a trimestral, uma forma de possibilitar o ingresso de mais alunos.
Por insuficiência de salas, o chefe da secção de alfabetização disse que em algumas localidades as aulas continuam a ser ministradas debaixo das árvores.
Quanto ao aproveitamento escolar dos formandos, André Hihalua considerou-o positivo, tendo em conta a adesão e a aplicação demonstrada pelos alunos. Até ao final do ano lectivo, 70 por cento dos alfabetizandos devemser encaminhados para o sistema normal de ensino.
O município de Ombadja dista 97 quilómetros a norte de Ondjiva, capital da província do Cunene, e tem cinco comunas, com uma população de 83.209 habitantes.

Tempo

Multimédia