Províncias

Raiva mata nove pessoas

A falta de cuidados primários e a chegada tardia às unidades sanitárias foram as principais causas das nove mortes por raiva,

Fotografia: DR

Registadas pelas autoridades sanitárias da província do Cunene, de Janeiro à primeira quinzena do mês em curso,
mais seis que em igual período de 2017, informou, ontem, em Ondjiva, a supervisora do Programa de Vigilância Epidemiológica, Aida Deus.

Tempo

Multimédia