Províncias

Realçado papel da mulher no bem-estar das famílias

O contributo das mulheres na luta pelo bem-estar das famílias angolanas foi enaltecido na terça-feira, na localidade de Namacunde, província do Cunene, pela responsável do núcleo feminino da Igreja Católica no município, irmã Rosária Sapalo.

Enaltecido o contributo das senhoras
Fotografia: Jornal de Angola

O contributo das mulheres na luta pelo bem-estar das famílias angolanas foi enaltecido na terça-feira, na localidade de Namacunde, província do Cunene, pela responsável do núcleo feminino da Igreja Católica no município, irmã Rosária Sapalo.
A propósito do Dia da Mulher Africana, assinalado a 31 de Julho, a religiosa disse à Angop que “as mulheres, nos diversos sectores da sociedade, sempre mostraram ser firmes e corajosas nos seus trabalhos, assim como na posição de mãe, educadora e protectora, apesar das  vicissitudes que ainda enfrentam”. A mulher, prosseguiu Rosária Sapalo, sempre foi sensível, acolhedora, carinhosa e sofredora, sem, no entanto, ter deixado de se empenhar nos problemas que lhe são apresentados pela família no sentido de os resolver.
A cultura africana faz das mulheres angolanas e do continente acolhedoras, no seu papel de núcleo das sociedades, daí deverem ser respeitadas e consideradas pelo grande valor que têm e que as dignifica, referiu. O contributo actual das mulheres, prosseguiu a responsável católica, deu origem a que elas tenham hoje uma imagem significativa em distintos sectores do continente, que se reflecte no facto de muitas delas ocuparem hoje em dia cargos de chefia a vários níveis da governação.
Rosária Sapalo apelou ainda a todas as mulheres, sobretudo aquelas que não têm qualquer ocupação social, para que se preocupem com a sua formação académica ou desenvolvam alguma tarefa útil, para desse modo melhorarem as sua actuais condições de vida.

Tempo

Multimédia