Províncias

Registados vários casos de violência

Elautério Silipuleni | Ondjiva

A direcção da Família e Promoção da Mulher (MINFAMU) na província do Cunene registou, de Janeiro a Outubro deste ano, 171 casos de violência doméstica, 81 dos quais por falta de pagamento de mesadas.

Vários casos deram entrada no Tribunal
Fotografia: Domingos Cadência

A revelação foi feita quarta-feira em Ondijva pela chefe de departamento para política familiar da direcção da Família e Promoção da Mulher. Joaquina Quicuto revelou que dos casos registados destacam-se ainda 28 ofensas morais, 20 ofensas corporais e 26 desalojamentos.
A responsável acrescentou que se registaram também cinco casos de privação de liberdade, igual número de fuga à paternidade, três de privação de bens, dois de abandono de lar e uma ameaça de morte. A direcção provincial resolveu 140 casos, 20 foram encaminhados para o Ministério Público e sete para a Investigação Criminal no Cunene.
Joaquina Quicuto salientou que a maior parte das queixas foram feitas por mulheres contra os seus companheiros, mas também houve muitos casos de queixas de homens contra as suas companheiras.

Tempo

Multimédia