Províncias

Serviços de saúde dão preservativos

Dionísio David | Ondjiva

Os serviços de saúde pública no município de Namacunde, província do Cunene, estão a distribuir preservativos gratuitamente nas unidades hoteleiras e similares, com o objectivo de sensibilizar a população para a importância do uso consciente do preservativo nas relações sexuais ocasionais.

Os serviços de saúde pública no município de Namacunde, província do Cunene, estão a distribuir preservativos gratuitamente nas unidades hoteleiras e similares, com o objectivo de sensibilizar a população para a importância do uso consciente do preservativo nas relações sexuais ocasionais.
Durante o primeiro semestre de 2010, mais de 20 mil preservativos foram distribuídos em locais públicos, como bares, lanchonetes, lojas comerciais e centros comunitários.
A acção faz parte dos esforços do comité local da luta contra o VIH-Sida, que conta com o apoio do conselho municipal da juventude, da JMPLA e da OMA.
A responsável do comité municipal de luta contra a sida, Juliana Tomás, disse ao Jornal de Angola que a intenção é fazer com que as pessoas, e em particular os jovens, compreendam os perigos que a doença representa e tenham consciência de que os locais de convívio e de grande concentração são os mais propensos a contágios ocasionais.
A responsável adiantou que no quadro dos esforços que o comité tem vindo a realizar, foram feitas palestras de sensibilização junto das instituições escolares e associações juvenis, com o objectivo de transmitir à juventude os riscos que se corre e as formas de contágio da doença.

Tempo

Multimédia