Províncias

Sinal da TPA melhora em Namacunde

Dionísio David | Namacunde

O sinal da Televisão Pública de Angola (TPA) vai ser melhorado nos próximos dias no município de Namacunde, no Cunene, com a montagem de antenas repetidoras nalgumas localidades mais distantes da sede da província, para que as populações acompanhem os acontecimentos mais importantes do país e do Mundo.

Os habitantes de Namacunde vão ter melhores imagens da Televisão Pública de Angola
Fotografia: Jornal de Angola

A garantia foi dada pelo director provincial da Comunicação Social, Faustino Ndafaohamba, durante uma visita, que visou avaliar o estado de funcionalidade dos equipamentos dos órgãos de informação locais, instalados na sede municipal. Na ocasião, o director provincial mostrou-se satisfeito pelo facto de os órgãos de comunicação social estarem representados no município, o que na sua opinião permite maior cobertura de todos os eventos que ali ocorrem.
Faustino Ndafaohamba disse que, neste momento, o sinal da TPA atinge um raio de sete quilómetros e acrescentou que, com as antenas de repetição, pode vir a atingir entre 18 a 20 quilómetros, abrangendo um considerável número de telespectadores a nível do município, ao passo que o da rádio tem o raio de 45 quilómetros.
O director provincial da Comunicação Social deu a conhecer também que neste momento existem em Namacunde dois correspondentes, sendo um do Jornal de Angola e outro da ANGOP, e estão instaladas as antenas da RNA e da TPA. O administrador municipal de Namacunde, Apolo Ndinoulenga, louvou a iniciativa do Ministério da Comunicação Social, que permite levar a informação às zonas mais recônditas. Apesar de não existirem ainda projectos em carteira relativos aos serviços de comunicação social, a partir de agora a Administração está mais motivada em apoiar os órgãos e os técnicos, com meios e habitações.
Durante a visita efectuada pelo director da Comunicação Social, o administrador municipal prometeu ceder duas residências aos órgãos da comunicação social, sobretudo para albergar os correspondentes e técnicos encarregues de cuidar dos equipamentos ali existentes.

Tempo

Multimédia