Províncias

Veterinária dá formação sobre doenças

Criadores de gado do município de Namacunde participaram, segunda-feira, na cidade de Ondjiva, província do Cunene, num seminário sobre doenças animais transfronteiriças.

Gado bovino deve ser vacinado porque padece de várias doenças
Fotografia: JA

Criadores de gado do município de Namacunde participaram, segunda-feira, na cidade de Ondjiva, província do Cunene, num seminário sobre doenças animais transfronteiriças.
Promovido pela Direcção Provincial do Instituto de Veterinária, a formação abordou temas ligados à peripneumonia contagiosa bovina e a febre aftosa.
Na ocasião, o prelector da formação, João Esteves Kamalanga, disse que a febre aftosa não tem tratamento no país por falta de teste serológico (provas laboratoriais).
Explicou que a doença é altamente contagiosa e afecta animais, como bovinos, caprinos e suínos.
É transmitida por um vírus extremamente resistente.
Relativamente à peripneumonia contagiosa, disse que a doença ataca, fundamentalmente, os bovinos, caprinos e búfalos. “A doença é altamente perigosa”, concluiu.

Tempo

Multimédia