Províncias

Voos nocturnos no Aeroporto de Ondjiva

O aeroporto de Ondjiva (província do Cunene) está a receber, desde Julho, voos nocturnos regulares autorizados, revelou na terça-feira, em Luanda, o director daquela instituição.

O aeroporto de Ondjiva (província do Cunene) está a receber, desde Julho, voos nocturnos regulares autorizados, revelou na terça-feira, em Luanda, o director daquela instituição. António Sangabi adiantou à Angop que a abertura do aeroporto neste período “surgiu da necessidade da TAAG fazer voos nocturnos regulares para Ondjiva e pelo facto de há cerca de quatro meses termos recebido a autorização do INAVIC, que veio regularizar a situação”.
Apesar do aeroporto possuir um sistema de balizagem luminosa definitiva, que lhe permitia receber voos nocturnos, desde Novembro de 2005 que estava à espera da homologação do Instituto Nacional de Aviação Civil, para poder dar início a esta operação. Desde então, o aeroporto funciona com um só horário (das 06h00 às 22horas) tendo a companhia angolana de bandeira como único cliente com voos nocturnos regulares.
António Sangabi considerou que apesar do sistema de balizagem funcionar em pleno, outros itens, como as operações do Instituto de Meteorologia e Geofísica de Angola (INAMET) e o equipamento de rádio ajuda, têm de ser tidos em conta para a segurança de voos. “Neste momento, ainda temos algumas dificuldades e estamos a trabalhar na instalação de novo equipamento do INAMET, a fim de transmitir informações climatéricas fiáveis à tripulação.”Revelou que a ENANA tem ainda programada a instalação de um novo equipamento de rádio ajuda à navegação, uma vez que o existente se encontra inoperante. “A direcção está empenhada na substituição do equipamento de ajuda à navegação, estando a decorrer, neste momento, um concurso público na província, para a sua instalação”, adiantou.
No âmbito do processo de construção, reabilitação, ampliação e modernização dos aeroportos do país, a capital do Cunene recebeu uma nova aerogare, construída de raiz e equipada com aparelhos de raios X, tapete rolante, um circuito de segurança electrónico e um parque de estacionamento para 94 lugares.

Tempo

Multimédia