Províncias

Director do politécnico promete ensino de qualidade

O director provincial da Educação no Moxico, Abel Jones Pique, disse ontem, no Luena, que o Instituto Superior Politécnico da província vai se tornar numa referência na formação de quadros de qualidade para o sustento do próprio pólo universitário.

O director provincial da Educação no Moxico, Abel Jones Pique, disse ontem, no Luena, que o Instituto Superior Politécnico da província vai se tornar numa referência na formação de quadros de qualidade para o sustento do próprio pólo universitário.
Tal convicção é devida a construção e reabilitação de infra-estruturas modernas, que proporcionam aos estudantes uma aprendizagem cómoda e aceitável, bem como a introdução de tecnologias modernas nas distintas especialidades.
Para ele, o facto dos professores serem na sua maioria de nacionalidade cubana “não vai ter implicações no processo de ensino e aprendizagem, uma vez que o português (língua oficial de Angola), tem várias semelhanças com o espanhol”.
Defendeu que o aluno do ensino superior deve ser plurilinguista, devido às exigências do seu nível, daí a necessidade de se esforçar para aprender mais línguas existentes no mundo e aprofundar as que expressa.
Fez saber que os quadros em formação têm a missão de aproveitar ao máximo a matéria que os professores transmitem, porquanto são eles que poderão substituir paulatinamente os professores estrangeiros e contribuir para o desenvolvimento sustentável de Angola.
Com o início das aulas a 3 de Maio, nos cursos de saúde, nomeadamente enfermagem geral e laboratório clínico, com um total de 96 estudantes, aquela instituição universitária prevê iniciar ainda este mês as cadeiras das ciências de educação (matemática, física, química e geografia).

Tempo

Multimédia