Províncias

Director municipal pede mais médicos

O município de Camanongue, no Moxico, precisa de seis médicos de pediatria, ginecologia, obstetrícia, cirurgia e medicina geral.

A informação foi dada à Angop pelo director municipal de Saúde. Os dois médicos de clínica geral angolanos são insuficientes. As unidades de saúde registam casos complicados que exigem especialistas. Segundo Jeremias Manuel “Samanhonga”, o município necessita igualmente de mais 150 enfermeiros para se juntarem aos 47 que estão em serviço.

Tempo

Multimédia