Províncias

Ensino em Caluquembe está reforçado

Arão Martins | Lubango

A construção de uma escola de quatro salas, para atender o ensino secundário do primeiro ciclo, e uma residência para professores na localidade de Cacomba, arredores de Caluquembe, vai permitir o reforço do sistema de educação.

O sector da Educação a nível do município de Caluquembe ganha outro dinamismo com a entrada em funcionamento de novas salas de aulas
Fotografia: Arão Martins | Lubango

O administrador municipal de Caluquembe, José Arão Nataniel, anunciou na última sexta-feira que as infra-estruturas escolares entram em funcionamento a partir do próximo lectivo e que as obras estão a ser financiadas com fundos da União Europeia.
Com a conclusão das obras, centenas de crianças que vivem nas aldeias de Calonali, Etete, Caloningui, Cassapa, Lomba Alto e Baixo, Tchiengue Hengue, Tchitupi, Etonga Baixo, entre outras aldeias, vão poder estudar em melhores condições.
No município foram matriculados este ano mais de 69 mil alunos, desde o ensino primário ao secundário do II ciclo. Com estas construções, mais alunos vão ter acesso ao ensino.
O administrador municipal de Caluquembe reconheceu o apoio e a abertura da   cooperação com a União Europeia, que se tem mostrado disponível e presente na região.
“É a terceira vez, este ano, que a delegação da Comunidade Europeia visita a municipalidade. Por isso, ressalto o empenho desta instituição que nunca nos virou as costas naquilo que são os convénios com o Executivo, através dos acordos bilaterais”, disse o administrador municipal. Em Caluquembe está ainda a ser construída uma escola de 20 salas, para atender o ensino médio técnico-profissional.

Outras acções

Caluquembe é o quarto município mais populoso da província da Huíla, com 169.420 habitantes, depois do Lubango, Matala e Chibia. O administrador municipal disse que o Governo Provincial tem canalizado vários recursos com vista a criar novas infra-estruturas sociais e económicas.
Fruto do trabalho que está a ser desenvolvido, Caluquembe continua a registar progressos significativos de infra-estruturas públicas e privadas, nos sectores habitacionais, agro-pecuário, educação e vias de comunicação.
Os resultados dos vários programas do Executivo são visíveis nas três comunas do município, com acções na iluminação pública e domiciliar, requalificação e criação de espaços verdes, avenidas e passeios.
Os habitantes dos bairros Etonga, Sagrada Esperança e 4 de Fevereiro já consomem água potável, com a inauguração de novos sistemas de abastecimento.
Os referidos empreendimentossociais e económicos  foram criados com fundos do Programa Integrado de Desenvolvimento Rural e de Combate à Pobreza.

Tempo

Multimédia