Províncias

Esclarecimento

O Jornal de Angola publicou, na sua edição de 17 de Abril deste ano, uma notícia sobre o projecto “O Nosso Zimbo”, com o título “Namibe com mais bairros para funcionários públicos”, em que fazia menção ao arranque da construção de casas para os trabalhadores do sector das Finanças, naquela província. No entanto, o que realmente deu origem a esta notícia foi apenas a colocação da primeira pedra para erguer infra-estruturas de impacto social internas do referido aldeamento, num período de oito meses.

A colocação da primeira pedra faz parte de um programa que contempla, nesta mesma fase, a construção de 97 vivendas, das quais 36 do tipo T3 e 61 T4, repartidas pelos modelos A, B e C, esclarece uma nota da direcção da Sociedade Cooperativa de Habitação “O Nosso Zimbo”, chegada à nossa redacção.O custo das obras internas do aldeamento, que está a ser erguido na zona da Praia Amélia, está avaliado em 690 milhões de kwanzas, montantes que vão ser totalmente suportados pelos fundos promotores do programa de construção de casas para quadros e trabalhadores das Finanças, com recurso ao financiamento bancário.

Tempo

Multimédia