Províncias

Estiagem prolongada causa crise alimentar

Sampaio Júnior | Benguela

A falta de chuvas na zona Sul de Benguela está a prejudicar seriamente os camponeses, que vêem as suas culturas a secarem. A titulo de exemplo, cerca de 140 famílias na povoação de Lomia, no município de Caimbambo, alimentam-se de mangas verdes devido à falta de comida.

A directora do Gabinete da Acção Social, Família e Igualdade do Género, Leonor Fundanga, lançou um pedido de ajuda para socorrer as famílias que estão a ser vítimas da estiagem.“As mulheres com quem nós reunimos na presença do administrador disseram-nos que é graças às mangas verdes que têm estado a acudir grandemente aquela população”, referiu Leonor Fundanga.
A estiagem não assola apenas a localidade do Lomia, em Caimbambo, pois já se estendeu aos municípios do Cubal, Ganda e Chongoroi. A escassez de chuva na região comprometeu as colheitas.
A directora do Gabinete da Acção Social, Família e Igualdade do Género  qualificou de grave a situação para uma população que subsiste principalmente da agricultura.

Tempo

Multimédia