Províncias

Governador de Cabinda avalia órgãos de informação

Pedro Suculate | Cabinda

O governador de Cabinda, Eugénio Laborinho, mostrou-se indignado com as condições de trabalho dos órgãos de Comunicação Social, que se resumem na falta de meios de transporte, computadores, material de reportagem e de condições de comunicabilidade, como a Internet.

Fotografia: Jaimagens

“Não gostei do que vi, porque durante a minha visita constatei que os órgãos têm muitas dificuldades do ponto de vista de equipamentos e deacomodação do pessoal”, disse Eugénio Laborinho. O governador, que visitou a Rádio Comercial de Cabinda, as instalações da RCC, da Emissora Provincial da RNA, Edições Novembro, Angop e o Centro de Produção da TPA, prometeu a resolução em breve de alguns problemas e garantiu fazer tudo, junto dos órgãos centrais, para a busca de soluções . “Os órgãos precisam de estar dotados de meios  que permitam informar com verdade, rigor e isenção”, concluiu Eugénio Laborinho.

Tempo

Multimédia